Sha-Roc, a primeira MC da história, vence briga na justiça contra Sugar Hill Records

1
950

No mês passado a MC Sha-Roc, primeira MC da Cultura Hip Hop, publicou em suas redes a vitória de uma luta que ela vem travando na justiça há mais ou menos uns 30 anos. A briga que ela e outros artistas conseguiram vencer depois de tanto tempo é referente ao pagamento de royalties por parte da Sugar Hill Records. No final dos anos 70 e início dos 80, Sylvia Robinson e seu marido Joe enxergaram na música que vinha do Bronx um futuro sucesso financeiro. Foi aí que lançaram oficialmente e comercializaram o primeiro grande sucesso do Rap, que já nasceu de uma polêmica, alguns versos de “Rappers Delight” do Sugar Hill Gang foram roubados do DJ e MC Grand Master Caz (leia sobre a música).

A Sugar Hill foi o primeiro grande contrato de muitos MCs e DJs e também o primeiro contato com a indústria, até então eles faziam suas músicas na quebrada e a maioria nem tinha a ambição ou até achavam gravar um disco por uma gravadora algo muito distante. Todos eram muito jovens, não entendiam nada sobre as negociações, royalties, direitos autorais e é aí que os aproveitadores e aproveitadoras fazem seu papel. Esse tipo de prática não é exclusividade desse ou daquele estilo musical, é uma coisa dessa indústria predatória. Aconteceu com eles e elas, aconteceu aqui no Brasil e acontece até hoje, infelizmente no tal do mercado é uma prática muito comum e o histórico de brigas na justiça é gigante.

As histórias e queixas sobre a exploração da Sugar Hill Records estão registradas em livros, revistas, sites, documentários e como falei antes, em relação ao Rap, já começou com o primeiro lançamento do gênero. Com o sucesso da música e a visibilidade outros artistas passaram a fazer parte do casting. Grand Master Flash & The Furious Five e o grupo de Sha-Rock, o Funky 4 Plus One More (Funky 4+1), tinham assinado contrato com a Enjoy Records, mas acabaram se transferindo para a Sugar Hill. As tretas eram várias já nos primeiros anos de contrato e não era só em relação a direitos autorais, até porque eles nem entendiam muito sobre isso, tanto que em várias composições lançadas pela gravadora, podem pesquisar que vocês verão o nome da dona da gravadora como autora, ligeira ela né? Várias práticas causavam desconfiança, alguns artistas eram mais valorizados e recebiam mais dinheiro do que outros em algumas apresentações, até em grandes turnês.

Essa treta foi vencida, pelo menos por enquanto, Sylvia e o marido já faleceram e quem cuida dos negócios são os herdeiros, que de agora em diante terão que pagar os direitos devidos e o que mais for gerado. Se formos levar em conta a data dos primeiros lançamentos, é uma dívida de 42 anos que envolvem clássicos que foram responsáveis por trazer o Rap em alto nível até 2022 – músicas como “The Message” e “That’s the Joint” são dois desses grandes sucessos. Sha-Roc comemorou, mas avisou que se achar que o valores não estão sendo justos, ela volta aos tribunais.

Esse ano a MC completa 60 anos e é muito importante que todas, todos e todes conheçam a sua história, pois mesmo não sendo a única mulher com o MIC na mão no início de tudo, ela foi a que mais se destacou. Só pra vocês terem uma ideia, o próprio Jay-Z, ainda adolescente, acompanhou pela TV o Funky 4+1 e isso foi marcante pra ele – o grupo foi o primeiro a aparecer na TV em rede nacional (14 de fevereiro de 1981). Jay-Z assistiu e relatou em seu livro que isso foi um dos fatos que o incentivou a querer fazer Rap. DMC, do Run-DMC, também já relatou que Sha-Roc foi uma de suas influências. Se você não conhece, escute as músicas do grupo, entenda o contexto da época e você vai ver que a mina era zica rimando. Eu vou deixar um vídeo aqui bem na parte dela, é só dar play. É ela também no filme ‘Beat Street’ com outras duas pioneiras, Debbie D e Lisa Lee.

Assim como a nossa pioneira Rose MC ela começou como B.Girl e depois de ir as festas do DJ Kool Herc e ver Coke La Rock e Timmy Timand no microfone, despertou a vontade de também ser MC. Haviam outras mulheres também, como MC Smiley, Peeblee Poo e Lil’ Lee, mas ela mesma afirma que foi a primeira e também a melhor. Confira abaixo o post dela sobre a vitória.

Confira as atualizações no nosso canal, sempre tem vídeo novo!!!

[wp-rss-aggregator feeds=”youtubebf”]

1 comentário

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.