Editorial | Em defesa do estado democrático de direito e eleições livres

Em virtude dos recentes acontecimentos e da possibilidade da consumação de uma prisão ilegal do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, o portal Bocada Forte – que historicamente tem se posicionado contrário ao fraudulento impeachment e golpe de estado da legítima presidenta eleita Dilma Rousseff, bem como contrário a política econômica e reformista do governo ilegítimo Michel Temer -, vem novamente posicionar-se, externando repúdio completo ao mandado de prisão do ex-presidente, expedido de forma apressada e que ataca o pleno direito de defesa garantido na Constituição Federal.

Como sempre, o portal Bocada Forte forma fileiras ao lado da Constituição, da democracia e, acima de tudo, como um veículo de comunicação que representa a cultura hip hop e as periferias, luta contra todo o tipo de opressão e contra o fascismo, defende o Estado Democrático de Direito, eleições livres e o direito de Lula ser candidato.

Quem deve escolher o seu governante é o povo!

Por fim, o portal Bocada Forte assina o manifesto do Projeto Brasil Nação, que segue:

“Prestamos integral solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Lula é vítima de um processo judicial que afronta os princípios básicos da Justiça. Sua condenação sem provas é inaceitável. A decretação de sua prisão é um desrespeito à Constituição.

A violência contra Lula é o ápice do ataque que o país sofre desde 2016, quando da derrubada do governo legitimamente eleito.

Elites rentistas associadas ao capital estrangeiro jogam agora partida decisiva no Brasil, uma das maiores economias do mundo, com mercado forte e recursos naturais em abundância. Seu objetivo é sufocar qualquer projeto nacional que defenda independência e autonomia em relação aos ditames do Norte, ao estabelecer múltiplas alianças e ações de cooperação.

Essas elites sabem que não terão sucesso pelo voto popular. Por isso, têm tratado de minar a democracia em várias partes do globo. Agora, tentam desvirtuar o processo eleitoral brasileiro, impedindo que a maior liderança popular de sua história recente possa participar do pleito.

A defesa da democracia e da soberania nacional passam hoje pela defesa de Lula. Pelo seu direito constitucional de concorrer livremente. Os brasileiros precisam ter a oportunidade de escolher o seu futuro, defender eleições livres e a liberdade a Lula!”

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.