A trilha sonora para paz, igualdade, e um mundo melhor

#Reviews | Durante a campanha de segundo turno, dessa última e tensa eleição presidenciável, Roger Waters esteve no Brasil, com a tour “US + Them“. fazendo protestos que dividiram a plateia, criando uma representação apropriada do país nos dias de hoje. Em um clima tenso – antes e pós eleições – compilamos 5 músicas para lembrar de questões essenciais de paz, igualdade, e um mundo melhor.

Porque não é só de paz que se muda o mundo, a lista começa com uma música bem mais crítica, lançada por Criolo este ano. Junto a uma produção incrível de clipe, “Boca de Lobo” criticou a situação política do Brasil em diversos sentidos e em várias áreas, em corrupção, infra-estrutura, miséria, e acima de tudo, política.

No mesmo ano que John Lennon lançava “Imagine“, em 1971, Roberto Carlos lançou um disco aclamado e cheio de suas tradicionais canções românticas, mas que trazia também, a faixa “Todos Estão Surdos“. Escrita em parceria com Erasmo Carlos, a canção fala sobre uma ideia esquecida pelos humanos: “Não importam os motivos da guerra, a paz ainda é mais importante que eles“.

Também falando de paz, mas de um ponto de vista de protesto, O Rappa lançou um de seus maiores hits em 99, “Minha Alma (A Paz que Eu Não Quero)“, em seu terceiro álbum, Lado B Lado A. O letrista Marcelo Yuka fez uma letra crítica sobre a sociedade brasileira, baseada em uma simples ideia de que “paz sem voz não é paz, é medo“.

“Levanta e Anda” foi lançada pelo Emicida, em parceria com Rael, em seu primeiro álbum, O Glorioso Retorno de Quem Nunca Esteve Aqui, escolhido como o disco do ano pela Rolling Stone. Fazendo um pedido por mais persistência e movimento, os dois cantam juntos: “Quem costuma vir de onde eu sou às vezes não tem motivos pra
seguir, então levanta e anda, vai“.

Para finalizar em grande estilo: O poema de Vinícius de Moraes lançado pelo Secos e Molhados, no álbum de estreia da banda, de 1973, fala sobre a bomba atômica lançada em Hiroshima na 2º Guerra Mundial, e se tornou um hino pacifista, além de ter sido colocada entre as 100 maiores músicas brasileiras pela Rolling Stone.

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.