Dej@ Vu e Digmanybeats seguem ‘Na Mesma Direção’ – Pra dar uma pausa na guerra e fazer um mundo melhor

1
627
Capa do álbum

Ouvir Rap feito por quem entende e sabe fazer é muito bom! O Rap há muito tempo vem se diversificando e hoje tem várias vertentes, mas nem todos utilizam a fórmula que dá nome a raiz de todas essas vertentes (Ritmo + Poesia), sem contar a ausência e total desvalorização dos DJs. Jeison Dej@ Vu ou apenas Dej@ Vu é desses manos que entendem e conhecem o Rap como poucos, parar pra trocar ideia com ele são aulas valiosas.

Ele acaba de lançar o álbum ‘Na Mesma Direção’ e para quem não o conhece pesquise sobre dois grupos que ele fez parte – Menthafora e Contra-Fluxo. No Menthafora ele era “O Anônimo”, ao lado de Arcanjo Vingador, Tengu Sensei (O Extrasensorial Sabre Voador), Mahal (O Lírico Amante), DJ Zinco, Ramarraw e Mago Látex (O Ilusionista) – anotem aí esses nomes que são informações valiosas para quem quer pesquisar sobre a história do Rap de SP. Já o Contra ele formou junto com Ogi e Cygillo, convidaram Mascote e DJ Big Edy. Cygillo saiu, Edy convidou para fazer parte o DJ William (WillCutz) e o último a entrar foi o Munhoz (Ascendência Mista) – todas essas informações estão no Acervo BF.

Além de sua história com grupos de Rap, ele também foi sócio proprietário da Loja A-Place, uma página importante do underground paulista. A loja era um ponto de encontro frequentado pelo underground, mas principalmente por uma geração de novos talentos que começava a se destacar nas batalhas de MCs, veja abaixo um dos vídeos que foi filmado dentro da loja.

História resumida vamos ao disco onde ele convidou para os scratches e colagens um dos melhores DJs desse país, o mesmo DJ William que era seu companheiro de Contra-Fluxo e o mesmo que tocou com Kamau na mixtape ‘Sinopse’ (2005). Na produção, mixagem, capa e masterização Diego Many ou Digmanybeats, que eu conheci graças a outro grande conhecedor da arte de fazer Rap, meu mano Negruniversal (Sanatório Produções e Só peso.com). Esse é o primeiro álbum que Digmany fez tudo de ponta a ponta, da 1ª a 15ª faixa. O título para mim não deixa espaço para interpretações, até porque aqui no Bocada Forte também continuamos ‘Na Mesma Direção’.

O álbum é sobre vida, amizade, a cena atual do Rap, fé, resistência, família e é também a história de vida do Dej@ Vu, que passou por momentos muito difíceis com a perda da sua esposa e precisou se manter firme para cuidar dos seus dois filhos. Eu mesmo só soube do acontecido algum tempo depois, perdemos contato por bastante tempo, tive a felicidade de encontrá-lo no último show que fui antes que começasse a pandemia e ainda pude ver a apresentação dele com a banca Sanatório Produções e o Namas7ê. A “Intro” do álbum começa com uma linha de baixo bunitona, acompanhada de beat, sample e um recado sobre ter fé e acreditar. A música que vem na sequência é nitidamente sobre um dos momentos mais difíceis da sua vida e o título é “A fé te acorda pro amanhã”.

Além do DJ Will e Digmany, tem mais 4 participações, são elas: Jimmy B em “Resiliência”, a faixa título e “Lições dos velhos tempos” trazem NeneBeatsJames e EuUfônico, esses dois últimos se juntam a Firmex e DJ Will na música bônus “Para quem quiser ser”, que já havia sido lançada como single e é a faixa que fala sobre a cena do Rap.

Eu parei pra ouvir o álbum de ponta a ponta e ouvi várias vezes, é bom demais quando a sintonia entre DJ, MC e Produtor segue a mesma direção, o mesmo foco, sem amarras e sem o compromisso de fazer algo que se encaixe nos padrões vazios da indústria. Sobre isso Dej@ Vu precisou de apenas um minuto pra sintetizar em rimas na faixa “Brilho no olhar”. Em “Há tempos resisto” muitas reflexões sobre lutas, abandono, destinos e justiça social com um beat clássico, pesado.

Em outras duas faixas, sem nenhuma participação, ele mostra o quanto é um mestre na arte de unir, mais uma vez, o Ritmo e a Poesia. São as músicas “Devagar e sempre” e a mais longa do disco “Scar + estilhaços”, que justamente por ser duas em uma ficou mais extensa. Espero que esse álbum chegue ao maior número possível de pessoas e se você curtir compartilhe, inclua em suas playlists e valorize o Rap que salva e ao mesmo tempo entretém.

Muita gente reclama da falta de Raps mais responsáveis, conscientes, só que eles estão ai, em todas as plataformas. Por conta dos algoritmos e padrões impostos por redes e plataformas esses trabalhos acabam não chegando pra boa parte do público. Também por culpa das imposições e manipulações da indústria a maior parte do público está sendo guiado e não tem o costume de pesquisar, fica esperando os robozinhos fazerem indicações. Sobre o conteúdo do Bocada Forte, se você não quer depender totalmente das redes e plataformas, clica no sininho vermelho à esquerda e ative as notificações ou cadastre seu e-mail pra receber todas as nossas atualizações.

Existe um outro caminho possível para artistas undergrounds e/ou alternativos, a cena é grande e forte, só está desconectada e desunida. Vamos juntos, juntas, juntes que sempre dá tempo de reverter a situação. A Cultura Hip Hop criou e aperfeiçoou tecnologias e métodos de divulgação que por muito tempo a indústria brigou pra anular. Todos esses recursos e ferramentas ainda estão aí e muita gente ao redor do planeta continua se utilizando deles, aqui no Brasil a indústria tem conseguido impor a sua vontade e anular a utilização dessas tecnologias, mas só por enquanto.

Algumas pessoas podem pensar que eu escolho falar sobre alguns álbuns por ter amizade com as pessoas. Dej@ Vu, Digmany, DJ WillCutz e todos os outros envolvidos nesse disco só vão saber que escrevi sobre quando for publicado, não recebi o disco e nenhuma informação aqui foi passada por eles. Tenho pouquíssimo tempo pra ouvir música, mas o pouco tempo que tenho pesquiso o máximo que posso e ouço de tudo, nacional e internacional. A música que mais ouço é o Rap e gosto de Rap bem feito, que seja de quebrada, que tenha Ritmo e Poesia e que tenha a participação de DJs. Não sou remunerado financeiramente pra fazer isso, então que pelo menos seja prazeroso. Quem quiser enviar material, fique à vontade, pode chamar nas redes do BF, mandar e-mail,, Whats, Telegram e qualquer outro canal que disponibilizamos, está tudo aqui no site e nas redes. Depois dos links do álbum tem a Playlist BF que eu e o DJ Cortecertu sempre atualizamos com lançamentos nacionais e os internacionais colocamos na página Novos Samples.

Contatos:
Dej@ Vu – Insta | FaceBook
Digmany – Insta 01 | Insta 02 | Bandcamp | Spotify
DJ WillCutz – Insta

Quem quiser e puder fortalecer – PIX imprensa@bocadaforte.com.br
Loja Bocada Forte – Temos CDs e Vinis do nosso acervo à venda, ainda não estão todos no site, mas tem bastante discos novos e vendemos para ajudar a manter o corre.

Ouça ou baixe o álbum

PLAYLISTBF sempre atualizada

1 comentário

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.