Opinião: ‘Emicida não será cancelado’, por Camila Cidade

0
483

De fato pessoas que estão no sucesso sempre serão atacadas. Um outro ponto a ser citado é que por mulheres atentas, num geral, o movimento hip-hop em si já se cancela.

Por olhos feministas, com raras exceções, temos um material ou seu protagonista livre de violência de gênero. Mas objetivamente, isso se perde, e as próprias mulheres ignoram fatores e consomem a todo tempo, homens que em algum momento cometeram machismo, e a realidade é que comete-lo nunca cancelou ninguém.

O tempo passou, as pessoas sempre merecem segundas chances, o debate está evoluindo, muitos homens também. O Emicida já foi investigado e stalkeado, e com AmarElo virou professor. MESTRE.

Usar da sua visibilidade e dos seus making offs, para falar do Brasil e de si mesmo, abordando a história brasileira e apontar que o racismo – assim como machismo- é estrutural, e que, através de dissertações e discussões públicas e acessíveis, conseguiremos acessar teclas de mudanças.

Emicida demonstrou imensa capacidade narrativa e organizacional. Tratou, a partir de si, uma narrativa sociológica, abordando a negritude brasileira e explicando a necessidade de reparação histórica.

Agora observamos uma tentativa de cancelamento do artista por fazer propaganda para faculdade particular Estácio de Sá.

Ô galera, sabemos deste momento de alerta, este momento de desmonte da universidade pública, e este momento faz parte de um projeto muito mal encarado de branqueamento cultural.

Mas, com todos os poréns, o artista fazer a propaganda para umas instituição de ensino particular, não tem, em momento algum, ligação com a desvalorização das universidades públicas. Ele está apenas vendendo uma possibilidade de saber.

Este ataque ao Emicida, me parece ser um ataque racista dos que não podem ver um preto no poder. Com a nova indústria cultural, músicas distribuídas de graça, ausência de venda de CDs, e outras formas de consumo, os artistas, em plena pandemia, sem show, estão fazendo milagre para sobreviver e para manterem fora da miséria suas redes de trabalhadores e famílias que até então viviam através do lucro de turnês.

Peguem leve. Emicida não será cancelado.

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.