Especial Novos Samples | Tudo sobre ‘Alvo$’, o EP de João D Deus e Vinicius Preto

Na primeira edição do Especial Novos Samples, o Bocada Forte firmou uma parceria com a produtora Coisa de Preto. Publicada pela primeira vez com o título 'Especial Novos Samples | Tudo sobre o 'Alvos', EP de João D Deus e Vinicius Preto', última edição em 23.06.2021

0
218

Foto: Thainá Rossati
Arte: Gil Souza

A dupla João D Deus e Vinicius Preto, da Coisa de Preto Produções, lançou o EP “Alvo$” em 2020. Conhecidos na cena alternativa, os artistas responderam algumas perguntas sobre a composição e produção do EP numa série de vídeos exclusivos que agora você confere na íntegra.

A entrevista começa com eles falando sobre a forte crítica ao racismo estrutural e a violência contra a população negra brasileira, assuntos que são muito presentes no EP ‘Alvo$’. A partir da vivência de ambos, as questões sobre a manipulação da história brasileira são revistas e colocadas em cheque. Eles assumem o protagonismo e apresentam o conceito de “tinta preta no papel” para reinterpretar os acontecimentos e mostrar a visão negra e periférica sobre a realidade atual.

www.twitch.tv/bocadaforteNesse EP os artistas deixam evidente que o Rap pode ser entretenimento, mas pode abordar temas importantes para a juventude negra. Os rappers fazem um diálogo sobre as estruturas do racismo brasileiro e suas consequências e violências sofridas pela população negra. A frase “pretos no topo”, rimada e propagada na cena rap, também é analisada.

Questionados sobre as resenhas e reflexões registradas na música “Bar da vida” eles deram mais detalhes sobre a criação e composição. Pra fechar eles comentaram e traçaram um panorama de como funciona o trabalho independente, todo processo de produção e como é serem donos de todos os processos.

Confira a entrevista e ouça o EP ‘Alvo$’

OUÇA O EP “ALVOS”

https://www.youtube.com/watch?v=qdVhiudPqA4

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.