Rapero de la isla

Alvaro Diaz 1

Revelação do Rap de Porto Rico, Álvaro Díaz dita tendência na terra do Reggaeton

Por:  Yara Morais

Eram 20 horas horário de Brasília e 18 horas em San Juan – Porto Rico, quando os fatos relatados aqui começaram a ter formato através de uma entrevista via Skype. A primeira vez que escutei uma canção do protagonista dessa matéria, eu me encontrava em Buenos Aires, Argentina e, o que chamou minha atenção foram as batidas, o flow e a produção, que se encontravam perfeitamente, como se fossem produções norte-americanas. Uma mistura que lembrava incontestavelmente o Rap das ruas do Bronx. O dono desse ritmo? Álvaro Díaz, porto-riquenho de 25 anos que mistura a criatividade da formação de publicitário com o talento que, segundo ele, tem inspiração em artistas como Kanye West, Pharrell Williams e, os seus conterrâneos da Calle13.

 Alvaro Diaz 2 (1)

Dono de um carisma incontestável, Alvarito gosta de escrever sobre tudo que o cerca e, talvez por isso, quando o perguntei sobre a música brasileira, ele prontamente citou Emicida, com quem se encontrou no SXSW Austin no Texas e, de quem guarda boas lembranças, – ‘’ele estava de chinelos e, eu de Nike. Achei aquilo humilde e incrível. Sua música é muito boa. Nós estávamos ali, unidos pela cultura Hip Hop e oferecendo o melhor que nós temos que é o nosso trabalho’’.

A verdade é que o trabalho deste chico é diferente do que estamos acostumados a escutar dos sons que vem de ‘’Puerto Rico’’, – que são as famosas batidas de Reggaeton. Sua música não tem outra batida a não ser as batidas que vem das ruas, do ritmo ao encontro com a poesia. E esse estilo para cantar o cotidiano veio inspirado em seu maior ídolo: sua mãe. Deve ser por isso que, ao ser questionado sobre o papel das mulheres nesse meio, ele prontamente diz que elas conquistam cada dia mais o mesmo espaço que os homens no Hip Hop mundial e que, os homens que não enxergam isso, estão parados no tempo, ‘’acostumbrados a más de lo mismo’’. Álvaro ainda cita que a mãe é um exemplo. Foi ela quem o criou e fez ele se tornar o homem que é hoje. ‘’Mi mama es mi fanática número 1”.Alvaro Diaz

Álvaro Díaz tem músicas distintas. E o público pode esperar muitas novidades para 2015. Quer um exemplo? Seu álbum intitulado Díaz Buenos, Díaz Malos, trará canções de todos os tipos e para todos os gostos. Recentemente em turnê pelo México, ele apresentou canções desse trabalho e aproveitou para ganhar ainda mais experiência nos palcos. Junto aos seus parceiros do coletivo LV Ciudvd, ele encabeça os novos beats e rimas fortes da ilha caribenha.

Apontado como a nova promessa del Rap boricua, o rapper, recentemente, abriu um show da Calle13 da MultiViral Tour e, lançou um novo single intitulado Mañana que já é um sucesso nas redes sociais. Quando questionado sobre o Brasil, ele rapidamente diz que adoraria conhecer nosso país e que, é sem dúvida alguma, um dos países que mais prezam pela música de qualidade. Sorridente durante toda nossa conversa, Alvarito mostra um lado adulto e em constante crescimento na música, mas mostra também, um lado jovem e sonhador, que começou a tomar forma entre os 14 e 15 anos de idade quando ainda na escola, fez a sua primeira batalha de MC’s. Revelação do Hip Hop, Álvaro está em ascensão a cada dia e, nos convida a mergulhar nos seus sons, – sons do ‘’chico de la isla’’.

 

Agradecimentos: Angelo Torres

 

aspas11A OPINIÃO DOS NOSSOS ARTISTAS

 

 

 

ks
Karol de Souza

Karol de Souza, Rapper:
‘’Álvaro Díaz é ótimo. Ele é moderno na medida. O apelo visual existe, mas, não é fútil. Não  o conhecia. O clipe de Muhammad Ali é bem legal. Gostei mesmo!”

 

jl
James Lino

 

James Lino (Potencial 3), Rapper:
‘’Álvaro Díaz é um rapper que demonstra buscar energia além da música e rimar com a alma cada frase. Gostei de ver que ali tinha influência de Ali (Muhammad) e, de outros ícones fora da música. Ícones que transferem energia para além das telas, distâncias e fronteiras. Acredito firmemente na energia contida no rap desse cara que desponta na cena porto-riquenha. Desejo muita força para esse cabrón!”

 

ds
DJ Soares

Felipe Soares, DJ:
“Gostei bastante da música e do clipe ‘’Muhammad Ali’’. O beat tem tudo a ver com o tema abordado. A letra e a levada são boas também. Vou procurar mais sobre o trabalho de Álvaro Díaz.”

 

cm
Crônica Mendes

Crônica Mendes, Rapper:
“Achei um trabalho interessante. Sobre a música Muhammad Ali, – acho que ele se saiu bem com esse tema. Não é fácil falar sobre uma figura tão importante quanto Ali. A música é pequena, tem um tempo bom. Mostra que o Álvaro Díaz tem uma visão de certa forma comercial, mas, que ele se preocupa também tecnicamente e com o conteúdo. Está na medida certa. Pra mim ele tem um estilo de rima bastante contemporânea.”

erij
Erick Jay

Erick Jay, DJ:
“Achei ótimo o trabalho de Álvaro Díaz. A história da música Muhammad Ali é bem legal. Gostei. É um rapper original!”

 

vvi
Japão

Japão, Viela 17:
“Adorei o trabalho do Álvaro Díaz. Muito bom mesmo. Precisamos de artistas assim na cena atual do Hip Hop.”

 

 

 

 

 

natis
Luís Maurício

Luís Maurício, Natiruts:
“Muito boa a música de Álvaro Díaz. Curti bastante. Base irada!!!”