Mano Réu lança mais um som do Projeto Colab, com Juliana Sete (Omnira)

A arte de Aisameque Nguenge, que ilustra a música de Mano Réu e Juliana Sete

#RapBRASILEIRO (via DJ Neew)
No segundo lançamento do Projeto Colab, MANO RÉU convida Juliana Sete (Omnira) para rimar sobre o racismo baseado no fenótipo e esteriótipos, na música “CORPOS ESTRANHOS“.

O som vem com sampler da canção épica de Billie Holiday, “Strange Fruit”. A arte do single foi feita pelo artista Aisameque Nguenge, que além de se basear na música original de Holiday, na letra de Mano Réu e Juliana, traz os graves efeitos de práticas racistas, como as praticadas por duas rappers, denunciada nos últimos dias.

Assista ao vídeo!

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.