#NovosSamples: Ostracyzmo e os beats criados na Cidade Ademar

1
54

Foto: Selfie retirada o Instagram do artista

Como veículo alternativo e independente, o Bocada Forte sabe: para os novos artistas do hip hop e da música eletrônica, destacar-se em meio a milhões de músicas lançadas diariamente é uma tarefa árdua. As plataformas de streaming, com seus algoritmos de recomendação e playlists automatizadas, tendem a favorecer os artistas estabelecidos e as faixas mais populares, deixando os talentos emergentes à margem. Tudo isso é parte de mais uma “normalidade” aceita pela maioria da nossa sociedade. 

Com a mudança gradual que está ocorrendo no sistema de cookies, a pressão para manter uma presença online constante e engajar os seguidores será ainda mais sufocante, especialmente para aqueles que estão apenas começando suas carreiras e os sites que abordam a cultura underground. Falar que as redes sociais muitas vezes promovem uma cultura de superficialidade, onde a imagem e o apelo visual podem ser mais valorizados do que a qualidade artística, irrita muita gente que defende esse modelo de negócios.

No contexto de desigualdades criado pela indústria musical, Alex BS, 30, conhecido como Ostracyzmo, artista com uma formação enraizada na tradição dos discos de vinil e influenciada pela diversidade sonora do funk, soul, hip hop e drum n bass, transforma essa herança musical em beats. Instrumentais desenvolvidos no FL Studio e sets feitos com a controladora DDJ-Rev 1, da Pionner, podem ser ouvidas em seus canais.

Crescendo em um ambiente repleto de música, Alex absorveu os sons de seus pais e tios, explorando os limites do som por meio de programas como ACID, Soundforge e Traktor DJ. Com o tempo, ele desenvolveu sua própria identidade musical e mergulhou no mundo do beatmaking, compartilhando suas criações no Mixcloud e Soundcloud.

 

Sob o pseudônimo de Ostracyzmo, Alex, morador da Cidade Ademar, zona sul de São Paulo, explora novas sonoridades. Seus trabalhos experimentais encontram um público no Soundcloud, enquanto ele compartilha suas inspirações em seu perfil no Instagram.

Ostracyzmo é a cara do artista que busca  fazer sua voz ser ouvida em um mundo saturado de sons, muita grana para impulsionamento e distrações. É uma história marcada por desafios e obstáculos. Aperte o play.

PUBLICIDADEBFOUÇA O ÁLBUM “AGUARDANDO O AGORA”, DE CORTECERTU

1 comentário

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.