O “não” vira “sim”, a ‘Ressurreição’ é o novo vídeo de Yannick Hara

#RapBRASILEIRO
Yannick Hara
 gravou mais uma obra audiovisual minimalista. O vídeo faz parte do EP “Também Conhecido Como Afro Samurai” (2016) e é o último desta saga. Com este foram lançados 8 videoclipes.

Desta vez, a canção é a faixa “Ressurreição” que relata um momento vivido pelo personagem Afro quando ele finalmente se vinga pela morte do pai. Perdido, Afro se isola e não encontra mais sentido na vida, porém um novo sopro, um novo desafio o reanima.

Além da narrativa do Afro Samurai é possível notar uma grande analogia com a vida do rapper Yannick. Em muitas entrevistas o artista revelou o quão difícil foi realizar essa obra, no caso, o disco. Yannick sofreu muito preconceito de pessoas dentro da cena do rap nacional, porém teve êxito em manter a sua identidade e quebrou paradigmas dentro do cenário. É como ele mesmo diz na canção “É o não que virou sim”.

Gravado em estúdio, o vídeo apresenta a participação dos gêmeos Raony e Keops da banda de rock nacional Medulla. O trabalho é inspirado no anime “Afro Samurai – Resurrection (2009)”, cujo o enredo narra a saga de um samurai negro chamado Afro que após se vingar da morte do pai, busca um novo sentido para viver.

A Música conta com a participação dos gêmeos Raony e Keops da renomada banda de rock nacional Medulla.

Assista ao clipe:

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.