Especial “Globo 50 anos – O que comemorar?”

cópia de MariaRitaKehl_RafaelStedile_0
Para a psicanalista e integrante da Comissão Nacional da Verdade (CNV), Maria Rita Kehl, a forma como a Globo lida com questões sociais vem desde sua criação. “A emissora cresce no fim da década de 1960, e sua programação era alinhada aos interesses dos governos militares. Tive acesso a documentos da Funarte nos quais executivos da Globo, em conversas na Escola Superior de Guerra, afirmaram que a responsabilidade da emissora era de ‘dissolver focos de descontentamento pelo país’, mostrando o progresso conquistado pelos militares”.

Por: Brasil de Fato

Em meio século de existência, a maior emissora de tv do Brasil faz aniversário afirmando prestar serviço ao país. Mas será que ela realmente representa a sociedade brasileira? Será que esta festa é nossa? O Brasil de Fato conversou com movimentos e personalidade para responder a questão. Confira!

[+] Clique aqui para conhecer a cobertura do jornal Brasil de Fato.

Interaja conosco, deixe seu comentário, crítica ou opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.