Street Breakers Crew completa 30 anos em outubro

0
211

A Street Breakers Crew (SBC), umas das mais antigas crews de Breaking do país, vai completar 30 anos em outubro de 2019. Para celebrar, eles criaram um perfil no Instagram e vão contar a história da crew através de fotos e vídeos.

Street Breakers Crew. Foto: Divulgação

Eles podem ser considerados parte da primeira geração do Hip-Hop no Brasil, já que em 1989 ainda estava acontecendo a transição dos mais antigos, do começo dos anos 80, para os que viriam a ser a segunda geração. A Atual formação da Crew é: Mr-Fe, Sutra, Puber, Delog, Nitro, Bispo SB e Mike.

Cypher na São Bento, por volta de 1995. Street Breakers com agasalho azul e vermelho e as crews Break Bella e Jabaquara Breakers

A SBC fez e continua fazendo muito pela cultura de rua. Em 1996 criaram a Revista SB, uma das primeiras (se não for a primeira) com ênfase no breaking e em suas variações e também no graffiti. Também já tiveram festas para B.boys, que começaram em 1997 e na batalha de estréia anunciaram Street Breakers x Super Sonic B.boys (São José do Rio Preto).

Em 1998 começaram o CInB (Campeonato Individual Brasileiro de Breaking), que em 2001 teve uma edição histórica no SESC Itaquera, com cerca de 3.000 pessoas.

 

Logomarca da Crew

Imaginem isso numa época onde tudo era mais difícil. Um evento com MCs batalhando, graffitis sendo feitos na hora em espaço separado, workshops, banda de original funk, DJs e, lógico, a competição de breaking.

Em 2002 criaram o Master Crews, que viria a se tornar um dos maiores eventos de breaking da América Latina.

Eles tem muita história. São 30 anos de existência e de resistência. A história do Bocada Forte, em diversos momentos, se cruzou com a deles. Afinal somos todos defensores, amantes e guardiões da cultura hip-hop e seus valores.

[+] Acesse o Insta deles e confira as histórias

*Todas as imagens foram extraídas do Instagram com autorização do Mr. Fê, agradecemos a confiança e consideração de sempre.

Curta nossa fanpage no FaceBook para saber tudo primeiro!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.