Quem lembra? Em 2000, 509-E debateu com ex-Capitão da ROTA na TV

0
315

#MemóriaBF #RapBRASILEIRO
Neste sábado (25/5), o rapper Dexter é um dos convidados do Programa Altas Horas, da Rede Globo. O artista já participou do programa mais de uma vez, a primeira foi em 2000.

Na época, o 509-E ainda estava na ativa e Dexter participou do programa juntamente com Afro-X. Os rappers não foram ao programa para cantar ou dar entrevista, eles aceitaram participar de um debate com Conte Lopes, ex-capitão da ROTA e então Deputado Estadual. O debate foi acalorado, nenhuma das partes ficou intimidada, mas logo depois da repercussão do programa, coincidentemente, as saídas dos rappers da penitenciária para os shows passou a ficar mais difícil.

Imagem: Reprodução da matéria publicada na Folha de S. Paulo

Em janeiro de 2001, O 509-E se apresentou no Festival Millenium Rap. Na ocasião, o jornal Folha de S. Paulo publicou uma matéria que citava essa dificuldade e o reforço na escolta policial para participarem do evento:

“Dexter e Afro X cumprem pena por assalto à mão armada e, em mais de 70 shows que já fizeram, nunca tentaram fugir. Até alguns meses, a dupla saía da prisão em sua própria van, com um agente penitenciário desarmado para cada detento. A Folha apurou que as dificuldades começaram, coincidentemente, após bate-boca agressivo da dupla com o deputado estadual Conte Lopes (PPB), durante o programa “Altas Horas”, de Serginho Groisman, na Globo”.

No mesmo ano, o BF tentou contato com o grupo, mas devido a situação deles, não conseguiu falar com os rappers. Mas no dia 6 de março de 2001, conseguimos trazer para o nosso bate-papo virtual, que ocorria toda terça-feira, o empresário do grupo, Adunias Luz (Jornal Estação Hip-Hop).

Nosso convidado não quis polemizar sobre o debate com o ex-capitão, mas respondeu a todos os participantes do bate-papo sobre a presença do grupo no programa. Todas as perguntas foram feitas por internautas e algumas delas relacionadas ao debate no Altas Horas:

Pergunta: Você não acha que foi infantilidade do grupo ir na globo, bem na globo, debater com o Conte Lopes, bem o Conte Lopes… O que eles poderiam lucrar com isso, e o que eles poderiam perder (ou estão perdendo com isso)? Não faltou maturidade?
Adunias: Não acho. Acho que infantilidade foi a gente ter caído na armadilha, mas que a gente tem que ocupar o espaço da TV, a gente tem senão eles enchem a programação com esses lixos que estão aí.

Pergunta: Pergunta do público: Você como empresário, lógico que tem a visão “comercial” da coisa. Você acha que o mercado do Hip-Hop brasileiro está preparado para esse tipo de exploração? TV e tudo mais?
Adunias: Se a gente não está , a gente tem que começar a se preparar

Pergunta: Você não acha que na edição da matéria do 509-E houveram muitas falas do Dexter cortadas?
Adunias: Lógico!

Pergunta: É verdade que o Afro-X já fez entrevista mais de 2x com psicóloga e nada foi aprovado para sua condicional? Ou é tudo consequência da treta com o Conte Lopes?
Adunias: O semi-aberto está saindo, não sei se o deputado tem a ver com essa demora.

Foram muitas perguntas, o bate-papo que seria de uma hora, durou uma hora e meia! Em breve, nesse resgate de conteúdo que estamos fazendo, teremos muitos bate-papos divulgados na íntegra.

Assista ao vídeo retirado do documentário “Entre a luz e a sombra”:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.