Batidas, rimas e vida | Clássico do A Tribe Called Quest completa 23 anos

0
135
Capa do disco

Em 30 de julho de 1996 foi lançado o álbum clássico “Beats, Rhymes and Life”, do grupo A Tribe Called Quest. É o quarto disco do grupo, que nesse momento tinha em sua formação Phife Dawg, Q-Tip e o DJ Ali Shaheed Muhammad – os dois últimos então recém convertidos ao Islã.

Esse disco marca o início dos trabalhos da equipe de produtores The Ummah (que significa comunidade ou nação em árabe).

Um produtor de Detroit, que na época tinha praticamente a idade desse disco hoje, foi convidado a fazer parte desse time. Jay Dee , ou J-Dilla, como também era conhecido – deixou sua contribuição registrada em 5 faixas, que estão entre as melhores do disco, inclusive duas delas foram lançadas como singles: a primeira foi “1nce again”, a de maior sucesso com participação de Tammy Lucas e a outra foi “Stressed out” com participação de Faith Evans. São duas faixas mais “leves”, uma mistura de Rap com R&B, o que garantiu o sucesso de ambas as faixas e talvez tenha até sido o motivo de escolhê-las como singles.

Siga o BF no Insta – www.instagram.com/bocadafortebf

Tanto o disco quanto a música “1nce again” foram indicados ao Grammy em 1997 como Melhor Álbum de Rap e Melhor Performance de Rap Duo ou Grupo. Não eram anos fáceis para concorrer a prêmios no Rap. O Grammy de melhor álbum ficou com “The Score” do The Fugees e a melhor música quem levou foi Bone Thugs-N-Harmony, com “Tha Crossroads”.

Entre os álbuns concorrentes a escolha não era fácil, mas se eles levassem não seria nenhuma surpresa. Além deles e do vencedor estavam concorrendo “All Eyez On Me” de 2Pac, “Gangsta’s Paradise”, de Coolio e “Mr. Smith”, de LL Cool J. Mas o Grammy de melhor música eu daria pra eles e Jay Dee, que merecia este prêmio, mesmo todas as outras sendo grandes clássicos e músicas de muito mais sucesso. Os concorrentes, além do Bone e A Tribe, eram: “California Love”, 2Pac, Dr. Dre e Roger Troutman, “How Do U Want It”, de 2Pac, K-Ci & JoJo e “Champagne”, do grupo feminino Salt-N-Pepa.

Assista ao vídeo de “1nce again”

“Beats, Rhymes and Life” ainda tem Maseo (De La Soul) nos scratchs da faixa “The hop”, uma daquelas que traz Phife e Q-Tip no seu estilo mais clássico. Consequence, primo de Q-Tip, participa rimando em algumas músicas. Foi neste disco a sua estreia oficial no Rap. A arte da capa foi feita pelo artista Skam2? (Kwesi C.T. Ogbourne), também responsável pela criação da logomarca do ATCQ. As outras faixas produzidas por Jay Dee são: “Get a hold”, “Keeping it moving” e “Word play”.

[+] Leia a história do grupo em nosso Acervo

Assista ao vídeo de “Stressed out”

Ouça o disco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.